A Flor que Cresce‏

A terra,

com seu espírito vivo

enlaçado ao Pai, está viva.

És útero, órgão mãe

Ampara a água

Recebe o grão

Germina, gera então

E contra vem a mão

Que fere

Árido chão se impele

Quando noite orvalhada

Orvalha e bebe

A sede cede

Novamente a vida cresce

Germinando a flor

A flor se vai, se perde

A mão se ergue colhe o Fruto

Segue..

Findando 2008
Guilherme Souza Pinto

0 comentários: