Vem de Seus Olhos

Ondas de um verde mar para quem enxerga o horizonte:
esse caminho por entre seus olhos;
e se esconde, camufla-os, hirtos são!
E horizonte.

A Sabedoria de um andarilho não apontaria o caminho com exatidão;
nem tão pouco um oráculo.
Mitológico tornou-se um "monstro"
que exala aroma e luz, e seduz a quem procurar encontrar resposta:

a encontrar; não palavras,
mas esse ser que seduz e não tem piedade de quem ama.
A conduzir; leva ao abismo:

um mundo sem vê-la,
mas se um dia eu chegar a tê-la em meus braços,
talvez um sonho: que vem de seus olhos.

11/06/2005 às 15:30
Guilherme Souza Pinto

0 comentários: